sábado, 31 de outubro de 2009

A grande Guerra Pela Civilização - Robert Fisk


Foi convidado de honra de Bin Laden na sua tenda nas montanhas do Afeganistão. Falou com Saddam Hussein e teve várias vezes com Yasser Arafat. Terroristas sim, mas personagens históricas que fizeram parte da História do Século XX, o século onde emergiu um novo conceito de guerra : A guerra das civilizações por envolver Cristãos e Muçulmanos.

Robert Fisk, jornalista do The Independent, relata-nos na primeira pessoa os encontros que teve com aqueles lideres e outros. Nomeadamente Presidentes Norte-Americanos. Da guerra do Afeganistão, ao conflito Israelo-Arabe, passando pela Guerra Irao-Iraque e Guerra do Golfo e terminando claro está na Guerra do Iraque em 2003.

Poderiamos estar a falar de mais um jornalista inglês apenas a relatar de modo parcial aquilo que viu na "sua" guerra. Mas não. Fisk é muito critico para com os Americanos e Ingleses. No fundo, com o Ocidente. Apenas lhe interessa a sua visão e não a do lado árabe. Mas do lado contrário não é assim também? pergunto eu....

Não é assim em todas as guerras?

Perguntas á parte neste livro de Fisk, podemos encontrar uma critica ( exagerada na minha opinião...) à actuação do Ocidente nos conflitos do Médio Oriente, principalmente tendo isto tudo origem aquando da criação do Estado de Israel em 1948.

Vale a pena ler, para termos uma noção de que o Ocidente não é "1oo% bonzinho".

A experiencia e o relato dos conflitos que Fisk faz são impressionantes. Com tudo pormenorizado, desde as reuniões até aos massacres. Tudo o que não nos é contado pelas televisões, Fisk faz uma verdadeira pormenorização de todos estes conflitos.

É uma obra prima no que a conflitos do Médio Oriente diz respeito. Para quem não conhece muito estes conflitos, e se queira informar mais daquilo que se passou, é uma boa sugestão que deixo aqui.

Nota : 8 valores

3 comentários: